quinta-feira, 13 de agosto de 2020

Congresso Online “Genética não é Destino”

Estão abertas as inscrições para o congresso gratuito e online “Genética Não é Destino”, que será realizado nos dias 29 e 30 de agosto. O evento, organizado por Alex Duarte, criador do projeto Cromossomo 21, terá como objetivo empoderar pessoas com todos os tipos de deficiência e/ou condição genética, além de eliminar crenças de impedimento e derrubar mitos e preconceitos em relação ao determinismo biológico. Tudo isso gratuitamente, com interação em tempo real, de forma inovadora e descontraída. Para se inscrever, basta acessar o site http://www.geneticanaoedestino.org/ e preencher a ficha de inscrição.

Morte de Euclides da Cunha completa 111 anos

Neste sábado, dia 15, se completam 111 anos do falecimento do escritor Euclides da Cunha, autor de “Os Sertões”, morto pelo militar Dilermando de Assis no episódio conhecido como a "Tragédia da Piedade”. Para lembrar a data, a produção do espetáculo “Redenção”, de Miriam Halfim, que faz uma releitura do julgamento de Dilermando e que estrearia 15 dias antes do início da pandemia do novo coronavírus, realiza uma live pela plataforma Zoom, às 19h, por meio do link: https://us02web.zoom.us/j/8862612289?pwd=RkV4dktFdkZETmcwNi9RNUxPWmRXQT09, sendo o ID da reunião: 886 261 2289 e a senha de acesso: 839374.

Eriberto Leão estreia “O Astronauta”

Idealizado pelo diretor teatral José Luiz Jr e desenvolvido em parceria com o ator Eriberto Leão, este projeto foi pensado inicialmente como uma peça teatral, cuja data de estreia já estava prevista, quando tudo parou. Mas o revés se transmutou em crescimento, e “O Astronauta” é agora um trabalho com ramificações criativas que o fazem ainda mais instigante e atual. O público poderá acompanhar a preparação prévia do personagem para a grande viagem através de uma espécie de diário, que será a websérie em 8 episódios  (um por semana). A estreia acontece dia 20.

Rio Ecoesporte realiza atividades físicas na praia da Barra

A proposta do Rio Ecoesporte visa oferecer atividades em área aberta, oferendo assessoria esportiva, além de proporcionar aos praticantes de esportes, ainda mais conforto e bem estar nos treinos. São dois pontos: Um no posto 4, em parceira com o hotel Wyndham Rio Barra, sempre de segunda à sábado, das 8h às 12h. E, o outro, na Praia da Reserva, próximo à Ilha 11, no estacionamento do Barra Balsas, para moradores dos condomínios Barra Sul, Pontões, Pedra de Itaúna, aberto também aos demais interessados, sempre aos sábados, das 9h às 11h. Interessados poderão se inscrever através do telefone: 21 99742-9191

Exposição “De Casa Com Arte” se prepara para reabertura do CCC

A exposição que se propõe, “De Casa Com Arte” pretende apresentar uma mostra coletiva com trabalhos de 32 artistas que participaram do projeto homônimo, concebido e realizado por Carlos Bertão e Alê Teixeira. Pretende-se utilizar as salas disponíveis no primeiro andar, no período imediatamente posterior à reabertura do Centro Cultural dos Correios. Será uma exposição de altíssimo nível, que mostrará nos Correios a magnitude de um grupo de artistas e suas belas obras de arte, que se destacaram por sua generosidade.

PDT pede afastamento de Guedes ao STF

 O presidente nacional do PDT,  Carlos Lupi,  apresentou ao Supremo Tribunal Federal uma ação pedindo o afastamento do ministro da Economia, Paulo Guedes. Na Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF), Lupi e os advogados do partido explicam  que a permanência do ministro Guedes no cargo pode "estorvar o bom andamento das investigações policiais"  na Operação Greenfield, que apura fraudes em aportes de fundos de pensão.

De acordo com as investigações do Ministério Público Federal (MPF), entre os meses de fevereiro de 2009 e junho de 2013, diretores e gestores dos fundos de pensão consorciaram com a BR Educacional Gestora de Recursos S/A, que tem entre seus associados Paulo Guedes, "a fim de cometerem crimes de gestão fraudulenta ou temerária de instituições financeiras equiparadas", afirmam Lupi e os advogados do PDT, na ação.

O MPF acredita haver "relevantes indícios de que, entre os meses de fevereiro de 2009 e junho de 2013", o hoje ministro tenha participado de "crimes de gestão fraudulenta ou temerária de instituições financeiras equiparadas (art. 4º da Lei 7.492/86) e emissão e negociação de títulos mobiliários sem lastros ou garantias (art. 7º, III, da Lei 7.492/86), relacionados a investimentos no FIP BR Educacional".

Na ação, o  PDT solicitou o afastamento de Paulo Guedes do cargo, " até a conclusão de todos os procedimentos investigativos nos órgãos de persecução penal, principalmente pela Força-Tarefa Greenfield".