sexta-feira, 27 de março de 2020

Mayra Itaborahy lança novo single

Em fase moderna, Mayra Itaborahy lança nesta sexta-feira, 27, em todos os serviços de streaming via OneRPM os ingle “Braços de Morfeu”, com pegada pop soul e arranjos ousados

André Ramiro se dedica a carreira musical

André Ramiro, ator de muitos trabalhos no cinema e no ar na atual temporada de "Malhação Toda Forma de Amar", que teve as gravações suspensas por conta da pandemia, se dedica agora a carreira musical. O artista que também é rapper, planeja tirar da gaveta algumas músicas que tem para compor um novo CD. André é autor do álbum  “Crônicas de um rimador”, que contou com participação de Gabriel O pensador, Dudu Nobre e Black Alien. Foto Júlia Gama

Pra descontrair um pouco

Compositor de clássicos da música brasileira como "Saudades da Guanabara", "Coração Agreste" e "Pra Que Pedir Perdão?", Moacyr Luz, também conhecido carinhosamente como "Moa", aderiu ao movimento de levar seu trabalho ao vivo para as redes sociais, em tempos de confinamento. Hoje a partir das 18h, o sambista fará novamente uma apresentação intimista para os internautas.
O músico carioca de 61 anos, há 15 anos à frente todas as segundas-feiras do Samba do Trabalhador, no Andaraí, faz um bate-papo musical, cantando e contando histórias por trás das composições.
"Gostei muito desse movimento, acho que é uma forma importante e democrática de levar nossa arte para a casa das pessoas. Estamos vivendo tempos difíceis e a música com certeza pode contribuir para deixar o cenário mais leve", comenta.

terça-feira, 24 de março de 2020

Solidariedade em tempos de coronavírus

Fundada pelo sociólogo Herbert de Souza, o Betinho, em 1993, a Ong Ação da Cidadania está, em parceria o Movimento Bem Maior e a plataforma de crowndfunding Benfeitoria (https://benfeitoria.com/acaocontracorona para participar da campanha), arrecadando doações que serão revertidas em cestas com alimentos não perecíveis e materiais de higiene para os trabalhadores e famílias impactados pelo novo coronavírus e que estão, neste momento, sem qualquer possibilidade de geração de renda. A próxima entrega no Rio de Janeiro, de 40 toneladas de cestas com alimentos não perecíveis, acontece amanhã, no galpão da Ação da Cidadania, a partir das 14h, e vai se estender até sexta-feira, a fim de que evitem aglomerações de pessoas. A entrega será feita apenas para entidades já cadastradas da Ação da Cidadania.
Área de anexos

Campanha para ajudar o Complexo do Alemão

Integrante do gabinete de crise da OAB-RJ, criado  para atender à população durante a pandemia do Coronavírus,  Ana Tereza Basílio,  vice-presidente da entidade,  a Associação das Mulheres Advogadas da Zona Oeste (Amazoeste) e a  escola de samba Imperatriz Leopoldinense lideram campanha de arrecadação de material de higiene para distribuição entre os moradores da comunidade do Complexo do Alemão.  As doações podem ser feitas online.  Os supermercados Extra e Carrefour, e a Farmácia Pacheco entregam no Complexo.  "Artigos como sabonetes,  água sanitária,  álcool entre outros  podem ser entregues no seguinte endereço de arrecadação: Rua Aurélio Garcindo 194, Olaria" - explicou Ana Tereza Basílio, na foto  com a presidente da Amazoeste,  Bárbara Ewes.

segunda-feira, 23 de março de 2020

Escola de música faz aula online gratuitamente

A escola de música  Opus 3  liberou gratuitamente as aulas do módulo de formação de acordes do curso "Harmonia Zero". O módulos é um dos mais procurados pelos  alunos e é indicado para estudantes de todos os tipos de instrumento e para quem canta também. Durante este período atípico, a escola fará uma aula por dia,  às 9h,  no canal do YouTube (Opus 3 Ensino Musical). Além disso, a partir de hoje, todos os cursos, treinamentos e eBooks serão disponibilizados pela metade do preço.

domingo, 22 de março de 2020

atividades do centro cultural Cesgranrio foram suspensas


Carlos Alberto Serpa, na foto com Beth Serpa  suspendeu todas as atividades de projetos do Centro Cultural Cesgranrio,  temporariamente , por causa da pandemia do Coronavirus.
    De acordo com Leandro Bellini , secretário de Cultura da Fundação Cesgranrio,  a decisão incluia programação do Teatro Cesgranrio,  as oficinas de atores , de canto Coral cênico  e o Prêmio Cesgranrio de Dança,  que este ano vai homenagear Angel Viana.


   

sábado, 21 de março de 2020

Grandes Músicos para Pequenos

Luiz e Nazinha – Luiz Gonzaga para Crianças marcou a estreia do projeto “Grandes Músicos para Pequenos”, criado com o intuito de apresentar a vida e a obra de importantes compositores para as novas gerações. Depois, vieram O Menino das Marchinhas – Braguinha para Crianças, que estreou em 2016 e foi premiado em três categorias pelo CBTIJ –  Melhor Atriz em Papel Coadjuvante (Martina Blink), Direção de Produção (Entre Entretenimento) e Prêmio Especial pela qualidade do projeto (Diego Morais e Pedro Henrique Lopes), além de outras 12 indicações – Bituca – Milton Nascimento para crianças, de 2017, vencedor do Prêmio CBTIJ de Melhor Ator (Udylê Procópio) e de quatro estatuetas no Prêmio Botequim Cultural: Melhor espetáculo infanto-juvenil, Melhor Direção (Diego Morais), Melhor Roteiro (Pedro Henrique Lopes) e Melhor Atriz Coadjuvante (Aline Carrocino), além de outras 11 indicações – e Tropicalinha – Caetano e Gil para Crianças, de 2018, vencedor dos prêmios Brasil Musical 2018 de Melhor espetáculo Infantil, Musical Rio 2018 como Melhor Espetáculo Infantil, e Botequim Cultural de Melhor Direção Infanto Juvenil, além de outras 8 indicações. O mais recente, Raulzito Beleza – Raul Seixas para Crianças (2019), está concorrendo ao Prêmio CBTIJ 2019 nas categorias Melhor Ator (Rodrigo Salvadoretti) e Cenário (Clivia e José Cohen), além de Melhor espetáculo Infantil no Prêmio Musical Rio.
As cinco peças juntas já foram vistas por mais de 200 mil espectadores. O objetivo do Grandes Músicos para Pequenos é apresentar a vida e a obra de importantes compositores para as novas gerações e promover o resgate da cultura brasileira através de espetáculos que envolvam toda a família em experiências inesquecíveis.
“A ideia é trazer o legado de uma cultura quase esquecida para as novas gerações, com um conteúdo atraente para as famílias”, descreve Pedro Henrique Lopes, autor das peças do projeto. “Queremos criar experiências de entretenimento inesquecíveis e marcantes, onde o espectador participe de forma ativa”, explica o diretor Diego Morais.