terça-feira, 10 de setembro de 2019

Antônio Fagundes assiste a estreia de "A Cor Púrpura"

Antônio Fagundes e Alexandra Martins estavam entre os vários vips que assistiram a estreia para convidados do espetáculo "A Cor Púrpura", na Cidade das Artes, na Barra. Estrelado por Letícia Soares, com direção de Tadeu Aguiar eversão de Artur Xexéo, o musical fala do ser humano, em especial das mulheres. É imediata a identificação com o momento do país, onde há tantas histórias de  opressão às mulheres. Segundo o diretor a peça é um grande grito de liberdade. Confira nas fotos de Eny Miranda!








Secretário de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio dá palestra sobre economia

Na quarta-feira, 11, o secretário de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro, Ruan Lira, dá a palestra “Economia Criativa: a Economia da Cultura”, no UNICBE – Centro Universitário, em Santa Cruz, a partir das 19:40, com entrada franca.

Wesley Schmitt é Jerry na novela “As aventuras de Poliana”

Desde o final de agosto, Wesley Schmitt está no elenco da novela "As aventuras de Poliana", do Sistema Brasileiro de Televisão (SBT, 20:50), com o personagem Jerry. Natural de Jaraguá do Sul (SC), onde iniciou, aos nove anos, seus estudos de dança, o jovem ator possui um currículo repleto de trabalho, estudo e boas histórias para contar.

Rodrigo Suricato lança álbum

O tempo, o senhor do castelo onde mora o destino, tem suas razões. E elas vão nos moldando ao longo da estrada da vida. Artista de muitas facetas, Rodrigo Suricato, costuma dizer que nasceu músico e depois desejou ser compositor, numa busca que apenas a experiência poderia concretizar e aprimorar – ou não. O cantor, compositor e multi-instrumentista carioca lança o álbum “Na Mão as Flores”,  todo composto, arranjado, tocado, interpretado e produzido por Suricato. Marco Vasconcellos também assina a produção.

Gustavo Macacko lança terceiro disco

Artista, compositor e cronista, Gustavo Macacko surge como um dos grandes letristas da música brasileira.Os relacionamentos humanos, suas manifestações e ritos de passagem são o tema central de "Humanifesta".  Nas nove faixas, uma visão poética do presente histórico passando pela relação afetiva do ser humano e seu entendimento político. O disco, produzido por Juliano Gauche, traz uma instigante aproximação de sonoridades do rock britânico com raízes da cultura brasileira.