quinta-feira, 19 de março de 2015

Premiado texto argentino é encenado pela primeira vez no Rio de Janeiro

O metalúrgico Tuco, pouco antes de sua aposentadoria, abandona o trabalho para viver seu grande sonho: tornar-se cantor. Ridicularizado pelos amigos e pressionado pela família, Tuco se tranca em um porão. Nesse refúgio ele ensaia sozinho enquanto aguarda a chegada dos violões, o acompanhamento prometido por um conhecido. Mas quem bate à porta é Sebastian, um velho amigo cuja missão é trazê-lo de volta à razão. Essa é a trama que Carlos Gorostiza usa para criar a história sobre amizade mais famosa da dramaturgia moderna argentina. O Acompanhamento tem a direção de Daniel Archangelo, e reune no palco  Wilmar Amaral  e Roberto Frota. O espetáculo estreia,no dia 9 de Abril, no Teatro Eva Herz  da Livraria Cultura Vitória, no Centro do Rio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário