quarta-feira, 27 de junho de 2012

Senadora diz que entrega de parecer para julgamento do Mensalão em agosto era decisão aguarda pela sociedade

A senadora Ana Amélia (PP-RS) avaliou como exemplar e sintonizada com a ansiedade da população brasileira a cobrança feita pelo presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Carlos Ayres Britto, para que o parecer do revisor do processo do Mensalão fosse entregue em tempo hábil. A entrega do relatório do revisor, ministro Ricardo Lewandowski, ocorreu na tarde desta terça-feira, 26,  possibilitando que o julgamento dos 38 réus suspeitos de envolvimento no escândalo do Mensalão seja iniciado no dia 1º de agosto.
- Essa é uma notícia muito positiva, é a resposta que a sociedade estava aguardando - disse a senadora em discurso no plenário do senado.
Ainda em seu discurso, Ana Amélia também voltou a defender a soberania do Paraguai na questão do impeachment do ex-presidente Fernando Lugo, ocorrido na semana passada. Em sua avaliação, o Brasil não deveria de forma nenhuma forma interferir nas decisões internas de um país independente e democrático como o Paraguai, que tem um Congresso e todas as instituições funcionando.

-  E não nos cabe também interferência indevida, nem, como disse o nosso líder Francisco Dornelles, que o Brasil tenha uma atitude, uma ação policialesca sobre o Paraguai. Seria um ato de indignidade e de inconstitucionalidade que feriria todos os princípios das boas relações diplomáticas -  finalizou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário