sexta-feira, 16 de abril de 2021

Carioca Shopping recebe a exposição Rio em Preto e Branco

O Carioca Shopping, na Vila da Penha, inaugurou  a exposição “Rio em Preto e Branco”, uma coletânea de fotos que expressa o olhar do fotógrafo Higor de Pádua sobre a cidade maravilhosa.  Dedicado à fotografia outdoor -  de paisagens naturais e urbanas, Higor rodou a cidade capturando 19 imagens de paisagens cariocas  que nos convidam a observar o Rio sobre outros ângulos. Com mais de uma década dedicada à fotografia, o fotógrafo  vem colecionando registros das mais belas paisagens do Brasil e do mundo, sendo o Rio de Janeiro, sua principal fonte de inspiração.  Seguindo uma linha artística própria, Higor  desenvolve seu olhar utilizando técnicas avançadas  que vão da captura ao pós-processamento, extrapolando as capacidades dos equipamentos fotográficos, com o intuito de encontrar uma interpretação única daquilo que vê e sente.  A visitação é gratuita e a exposição acontece até o dia 09 de maio na Galeria Carioca, no segundo piso  do Carioca Shopping. 

Livros que abordam história do povo indígena

Dia 19 de abril é comemorado o Dia do Índio. Eles são os verdadeiros donos dessa terra, são os primeiros brasileiros. Não basta apenas comemorar essa data, é preciso mostrar para todos e principalmente para as crianças a importância da nossa história. Conheça alguns autores indígenas ou autores que contam um pouca da história e costumes dos nossos índios, que tiveram seus livros publicados pelo Grupo Editorial Zit. A Boca da Noite, de Cristino Wapichana e ilustrado por Graça Lima; Ceiuci, a velha gulosa, de Maria Inez do Espírito Santo, Tempo de aldeia, de Edith Lacerda; Um curumim, uma canoa, de Yaguarê Yamã e ilustrado por Simone Matias; Nós somos só filhos, de Sulamy Katy e ilustrado por Maurício Negro e Um índio em minha casa, de Tânia Mara de Aquino e ilustrado por André Corte.

Centro Cultural Correios reabre e prorroga exposições individuais

Depois de quase um mês fechado para o público, o Centro Cultural Correios, no Centro, reabriu prorrogando a data de suas exposições. A exposição “Catarsis”, primeira individual de Cathrine Crawfurd, sob curadoria de Susi Sielski Cantarino, foi prorrogada até o dia 25. A individual “Liberdade”, de Carla Carvalhosa, sob curadoria de Márcia Costa vai até o dia 25 também. “Sopro(s)”, primeira individual de Cota Azevedo, sob curadoria de Edson Cardoso, fica em cartaz até 9 de maio.  E a mostra “Gestualidade”, primeira individual de Isabella Cesar, sob curadoria de Edson Cardoso, foi prorrogada também até 9 de maio.

Aymara Limma estreia o programa "Cine Arte Variety"

A atriz carioca Aymara Limma que passou grande parte da sua carreira mundo afora, está de volta com novo trabalho no Brasil. Nesta sexta-feira, 16, às 14h, ela estreia o programa semanal de variedades e entretenimento "Cine Arte Variety", no VRT Channel. Os primeiros programas estão focados no cinema. Com o Oscar chegando, não poderia deixar de enfatizar o cinema nacional, prestigiando a grande atriz e diretora Bárbara Paz com a entrevista que fez no festival de Cinema de Veneza, dias antes de ela ganhar o “Leão de Ouro” com o   filme “Babenco, alguém tem que ouvir o coração e dizer: parou”. Já no  dia 30, a entrevista exclusiva será  com o ator Lucas Till, o “MacGyver” da série americana de grande sucesso que está se despedindo em sua quinta temporada. 

Foto: Massimo Peca 

Trio de Ouro reestreia na Casa Julieta de Serpa

Está de volta à Casa Julieta de Serpa o Chá Musical Trio de Ouro, dirigido por Carlos Alberto Serpa, com figurinos de Beth Serpa, arranjos musicais de Cyrano Sales. Com a participação dos cantores e atores Adam Lee, Raí Valadão e Ricardo Knupp, o espetáculo fica em cartaz, de quartas a sábados, até o dia 2 de maio.  No repertório, clássicos dos anos 60, 70 e 80, com músicas dos Beatles , Elvis Presley, Bill Haley, Club Checker, entre outros.   Reservas pelos telefones( 21) 2551-1278  ou ( 21)- 998230331.

Orquestra Sinfônica Juvenil Carioca Villa-Lobos faz homenagem ao Rei Roberto Carlos

Roberto Carlos completa 80 anos na segunda-feira que vem e muitas homenagens estão sendo preparadas por seus fãs. Mas imagina uma orquestra composta por jovens, alunos do Programa Orquestra nas Escolas, estudantes da rede pública de ensino do Rio de Janeiro, interpretando uma canção do compositor, sob a regência de Vinícius Louzada.

 Uma homenagem a altura de um Rei, quando a Orquestra Sinfônica Juvenil Carioca Villa-Lobos apresenta, no formato on linea canção de 1967, Como é grande o meu amor por você, no dai 19, às 12h, pelo canal da ONE (www.youtube.com/orquestranasescolas).