sexta-feira, 5 de abril de 2019

Cheiro de floresta

Billy Bond, diretor do espetáculo O Mágico de Oz, em cartaz no Teatro Bradesco Rio,  trouxe para o palco carioca uma novidade ainda pouco usada por aqui. O musical conta com efeitos especiais que soltam  perfume das flores e outros aromas da floresta, além de vários efeitos  que simulam chuva e folhas  secas de papoulas caindo sobre os espectadores.  A garotada fica encantada.
  

Nenhum comentário:

Postar um comentário