terça-feira, 21 de agosto de 2012

Dinheiro em caixa

Em julho, conforme o balanço oficial, a PBH tinha quase R$ 1,1 bilhão em caixa ou aplicado. Só em São Paulo, segundo o prefeito Kassab, o dinheiro disponível passava de R$ 5 bilhões. E não são casos únicos, outras prefeituras exibem grandes reservas, assim como o próprio governo federal. A razão é simples: a capacidade de execução da máquina pública no país não acompanha o crescimento das receitas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário